Escolha uma Página

O que você está colhendo ultimamente?

por | maio 19, 2016 | 0 Comentários

Você já deve ter ouvido o ditado:

A gente colhe o que planta

Isso é uma verdade universal e não, esse post não está relacionado ao seu comportamento nem vida pessoal  🙂

Nesse post quero levantar somente 3 pontos importantes que impactam nos resultados que você vem obtendo, quero que saiba que muito do que tem hoje é reflexo do que fez, ou deixou de fazer, no passado, e que um negócio depende de alguns fatores chave para ser bem sucedido.

São muitas as oportunidades

Vou exemplificar o que quero dizer utilizando as duas categorias de fotografia mais badaladas do momento, casamento e newborn. Fotografia de casamento é desde sempre uma das categorias mais faladas e contratadas no mercado, desde que me conheço por gente ouço pessoas falarem e conversarem sobre esse tipo de fotografia, já é a muito tempo uma categoria consagrada. Já a fotografia newborn, por outro lado, é mais recente, pelo menos no Brasil começou a despontar como um mercado promissor e muito procurado a coisa de 2 ou 3 anos. Antes disso, no Brasil, era muito difícil encontrar cursos, acessórios, livros e etc. Hoje em dia o mercado é muito mais rico e encontramos quase tudo que vemos lá fora disponível por aqui.

O que esses dois tipos de fotografia, que na execução são tão diferente, tem em comum?

Tempo, planejamento, cuidados e uma grande quantidade de ocorrências.

Acontecem mais de 1 milhão de casamentos anualmente no Brasil, segundo dados oficiais do IBGE, em 2014 foram registrados 1.106.440 casamentos em todo o Brasil, isso dá 3.031 casamentos por dia. É muita gente casando, mas isso não chega perto do número de bebês vindo ao mundo, segundo o mesmo relatório, foram registrados no Brasil em 2014 quase 3 milhões de nascimentos, para ser bem específico 2.904.964 de bebês nasceram no Brasil, mais ou menos 7.958 bebês por dia, 331 por hora ou mais de 5 por minuto.

São muitas oportunidades, né?

É tudo uma questão de tempo

Tempo, hoje em dia, custa caro, está escasso e todo mundo gostaria de ter mais. Porém, tempo é algo que todos, em qualquer parte do mundo e de qualquer classe social, religião, partido político, cor de pele, recebem da mesma forma e quantidade, todos ganham 24 horas por dia, e isso é algo imutável, o que podemos fazer é aceitar que certas coisas na vida levam tempo para acontecer.

Assim como o tempo não dá em árvore, seu sucesso na fotografia não irá acontecer da noite para o dia. Da mesma forma que casamentos e nascimentos exigem certo planejamento e tempo, você precisa trabalhar seu negócio para que ele cresça com o tempo, de forma robusta em com credibilidade.

Eu já comentei aqui o que você precisa para ter um negócio bem sucedido na fotografia e tempo é um dos elementos principais.

Ok, então o que fazer com o decorrer do tempo?

Comece a plantar.

Lembra o que escrevi lá no começo desse post? “A gente colhe o que planta” então, vamos começar a plantar.

Para poder colher algo, você precisa plantar algo. Não vai adiantar produzir um portfólio, se ninguém ver o seu portfólio. Você precisa se expor, no maior número de lugares possível. É aí que começa a sua plantação.

Crie um site/blog, poste algumas fotos do seu último trabalho, divulgue o link na sua rede de contatos, por email, no facebook, twitter e etc.

Tenha em mente uma coisa muito importante, você precisa se expor para o publico certo, não adianta postar portfólio e fotos lindas em grupos e páginas de fotografia, se seu público são noivos, participe desse tipo de grupo, o mesmo para newborn ou qualquer outro ramo na fotografia. Oferecer seus serviços em grupo para fotógrafos é o mesmo que tentar vender chocolate quente na praia no verão.

Participe de eventos locais, destinados ao seu publico alvo, converse com os organizadores e ofereça-se para fotografar o evento, entregue as fotos para serem divulgadas entre os participantes em troca de seu contato como fotógrafo. Estandes em feiras normalmente são caros, mas essa é uma excelente forma de pagar pela exposição que o evento proporciona.

Faça parceria com lojas de roupas e acessórios para o seu publico, fotografe uma coleção e em troca das fotos eles divulgam seu trabalho como fotógrafo oficial da loja.

Crie guias úteis para o seu publico alvo, ideia de decoração para os noivos com as fotos que você fez nos últimos casamentos que registrou, ou ideias de baixo custo de roupinhas para recém-nascidos. Poste esses guias nos grupos relevantes. Dar, antes de receber, é uma das melhores formas de conseguir novos clientes. Ofereça ajuda e faça isso de coração, as pessoas reconhecerão seu esforço e isso pesara a seu favor quando elas precisarem de um fotógrafo.

Cada um desses pontos pode ser visto como uma semente sendo plantada, multiplique uma semente para cada pessoa atingida, com o tempo serão muitas pessoas, muitas sementes plantadas te renderão uma bela colheita.

Você precisa de um plano.

Não precisamos de algo muito elaborado, documentos com páginas e mais páginas que acabam, no final das contas, como peso morto num canto do escritório. Porém, não quer dizer que você não precise de um plano.

Quando abrimos o Waze no celular, para que ele nos indique o melhor caminho a seguir, o ponto de partida dele é onde você está no momento, só assim ele consegue determinar qual o melhor caminho a ser tomado. No seu negócio não será diferente, antes de saber onde você quer chegar, você precisa saber onde você está, só assim poderá determinar a melhor estratégia para chegar onde deseja.

O quadro abaixo é um exercício excelente para determinar onde você está e onde quer chegar. Sugiro que gaste uns minutinhos e responda as seguintes perguntas em dois períodos de tempo: Hoje – Sua Estratégia Atual e Futuro – Seus Objetivos. Se preferir, você pode baixar o documento e preenchê-lo no seu computador clicando aqui.

  • De que forma você é único e diferente de seus competidores?
  • Como você surpreende e agrada seus clientes?
  • Como você se certifica que está sempre procurando e se encontrando com novos potenciais clientes?
  • Como você atrai os outros para verem o seu trabalho?
  • Como você se certifica que está maximizando o seu sistema de indicação?
  • Como você incentiva potenciais clientes a agendarem uma sessão?
  • Como você faz para que seus primeiros clientes se lembrem de você, reagendem e falem de você com os amigos deles?
  • Como você está usando a mídia social em seu negócio?
  • Como você está usando email marketing em seu negócio?
  • Como você está usando seu website para conseguir mais clientes? Você tem blog?

Depois de responder a essas perguntas, você terá uma visão muito mais clara do caminho a ser percorrido e dos passos a serem tomados. Somente sabendo onde você está é possível determinar o caminho a ser percorrido.

Tomando os cuidados necessários, sua colheita será farta

Com a consciência de que seu negócio precisa de tempo para acontecer e traçando um plano de execução, sabendo onde você está e onde deseja chegar, é meio caminho andado, você precisa de cuidado para se manter na linha e não desviar o caminho.

Mudanças de planos acontecem, mas você precisa ficar atento às circunstâncias que isso acontece.

  • O plano mudou porque?
  • O que mudou, o objetivo ou as condições atuais não permitem a continuidade?
  • Você se desviou do caminho por falta de atenção ou determinação?
  • Você acha que não consegue atingir seu objetivo ou foi alguém que te disse?

Você precisa tomar muito cuidado para não cair na tentação de desistir e tentar algo mais fácil. Você precisa se fazer essas perguntas e respondê-las com sinceridade. Acima de qualquer coisa, você precisa ser honesto com você mesmo e tomando o cuidado necessário deixar que o tempo se encarregue do resto.

E então, já está pronto para iniciar sua plantação e logo começar a colher os frutos disso?